Campus Party dobra de tamanho em 2009 e muda de local

O evento de tecnologia Campus Party abre as inscrições à meia-noite desta sexta-feira (26) com novidades: em 2009, 6 mil pagantes poderão participar da semana “geek”, que vai se mudar do prédio da Bienal do Ibirapuera para o Centro de Exposições Imigrantes, na zona sul de São Paulo.

Na primeira edição, ocorrida em fevereiro deste ano, 3.000 inscritos foram ao evento, sem contar os visitantes gratuitos. A idéia da Campus Party é discutir, durante uma semana, tecnologia, mídia e entretenimento em frentes como astronomia, robótica, software livre, games, simulação, modding (modelagem de computadores), música e blogs.

A área de criatividade foi desmembrada para a edição 2009, ficando dividida em vídeo, design, fotografia e música.

Quem comprar os ingressos poderá se mudar para o local com seu computador e terá direito a um ponto na conexão de 10 GB –maior banda já disponibilizada em um evento de tecnologia. O ingresso dá direito a acampar de 19 de janeiro a 25 de janeiro. Ainda não está definido se os participantes terão barracas de graça, como ocorreu na edição deste ano –as “cabaninhas” dependem de acordo com patrocinador.

Nas inscrições desta madrugada, terão prioridade os 3 mil ‘campuseiros’ da primeira edição. Eles poderão pagar R$ 100 até 6 de outubro. A partir de 7 de outubro, as inscrições estarão abertas para o público em geral, também por R$ 100. De 1º de novembro em diante, o preço sobe para R$ 150.

Com a mudança de local, a organização do evento tenta responder a uma das principais reclamações de participantes da primeira edição: a falta de infra-estrutura. Segundo a organização, o Centro de Exposições Imigrantes tem melhor estrutura de banheiros, de energia elétrica, além de ser maior.

Para fazer o transporte dos visitantes, deve haver ônibus que farão o trajeto entre estações de metrô e o centro de exposições.

Também desagradou na estréia do evento no país algumas restrições. No próximo ano, bebidas alcóolicas continuarão vetadas (o evento é aberto para menores de 18 anos, desde que acompanhados por pais). Por outro lado, o evento vai liberar a entrada e saída dos ‘campuseiros’ do local durante 24 horas –neste ano, era proibido escapar da Campus Party de madrugada.

O evento informa também que sexo nunca esteve vetado nas dependências da Campus –o que chegou a ser afirmado por seguranças. Neste ano, a organização cogita inclusive distribuir preservativos, por meio de parcerias com entidades. “Nunca chegou a ser proibido [o sexo]. Temos até a preocupação de fazer parcerias com a prefeitura e o governo de São Paulo para distribuir camisinhas”, afirma o diretor do evento, Marcelo Branco.

Para estimular a interação entre os participantes, a Campus Party vai ter uma área específica para baladas, que aconteciam de maneira informal na primeira edição. A idéia é mostrar músicas e vídeos produzidos dentro da própria feira e fazer com que as pessoas interajam.

Fonte: Folha Online

Campus Party 2009


Evento de tecnologia que acontece em algumas metrópoles da Europa e terá sua segunda edição no Brasil entre os dias 19 e 25 de Janeiro de 2009.

Alguns usuários do Twitter participaram da coletiva e enviaram alguns flashes através da tag #cparty2009, são eles: @helton, @interney, @lufreitas e @boombust. Confira abaixo o que já foi anunciado:

– Hoje a partir da 00h inicia a venda dos ingressos que custarão R$100 até outubro. Depois desta data o valor será de R$150. No blog do Wagner Fontoura há também um lembrete de que nos 10 primeiros dias haverá prioridade para aqueles que participaram da primeira edição.

– Para comprar o ingresso, vá ao site oficial www.campusparty.com.br

– A Telefônica será mais uma vez a patrocinadora do evento e desta vez oferecerá um link de 10Gbps que estará distribuídos em cabos espalhados por diversas bancadas. No Campus Party você mesmo leva seu notebook ou desktop e utiliza a rede de 10Gbps à vontade. Se quiser pode até dormir por lá, nas barracas oferecidas pelo evento.

– Ano passado o evento aconteceu na Bienal de São Paulo, desta vez será no Centro de Convenções Imigrantes. Haverá um transporte gratuito da estação do Metrô até o Centro de Convenções Imigrantes.

– Os organizadores calculam cerca de 4000 participantes com notebooks e 2000 sem equipamento.

É um evento de tecnologia com cara de festa. Aqui abaixo seguem os links dos posts gerados neste blog durante a edição de 2008:
Boas palestras no Campus Party 2008
drops> Campus Party (1)
drops> Campus Party (2)
drops> campus party (3)
http://www.messa.com.br/eric/ecode/2008/02/drops-campus-party_14.html

Retirado do: e-Code onde disponibilizará informações direto da organização.

Kaspersky lança versão 2009 de seus produtos

A Kaspersky anunciou o lançamento do Kaspersky Anti-Virus 2009 e Kaspersky Internet Security 2009. O Kaspersky Anti-Virus 2009 inclui proteção contra, vírus, worms, trojans, spywares, desativa links para sites contendo malwares, possui proteção para programas de mensagens instantâneas e mais.

O Kaspersky Internet Security 2009 inclui todos os recursos presentes no Kaspersky Anti-Virus 2009 e também conta com firewall, antispam, controle para pais, teclado virtual para digitação segura de dados e mais.


Kaspersky Anti-Virus 2009

Novo Office em 2009?

 

newoffice 

 

Um vazamento de informação em um site da Microsoft sugere que a próxima versão do pacote Office – provisoriamente batizada de Office 14 – deve ser lançada em 2009. Na última segunda-feira, 9 de junho, a Microsoft lançou um kit de podcast para o Office SharePoint Server, o produto de portal da família Office, acompanhado de um artigo de perguntas e respostas no site Codeplex, para desenvolvedores.

O site fazia referência ao Office SharePoint 2009, o que indica que a nova versão do Office vai se chamar Office 2009 e, portanto, será lançada no ano que vem. A Microsoft ainda não divulgou o cronograma oficial para o Office 14. Após ter se tornado pública, a referência ao SharePoint 2009 foi retirada do site.

O autor do post enviou uma nota ao blogueiro que primeiro divulgou a informação dizendo que o documento de perguntas e respostas era apenas uma transcrição de uma conversa com clientes e que a informação sobre a data e o nome da nova versão do Office não eram precisas.

“Sinceramente não tenho idéia de como a próxima versão do SharePoint se chamará”, disse a nota, assinada “Ludo”, de Ludo Fourrage, gerente de grupo de produto da Microsoft.

 

Fonte: PC World