Substituto para o Internet Explorer


A raposa que se cuide, pois a gazela da Microsoft vem aí

A Microsoft está trabalhando num navegador que substituirá o Internet Explorer, que tem o nome de Gazelle.

Me surpreendi também com a notícia, mas também, como muitos reclamam sobre a segurança do Internet Explorer, era de se esperar que a Microsoft faria algo para solucionar. Ao contrário do IE o principal apelo do browser Gazelle será a segurança. Para isso, ele será concebido como um sistema operacional, para poder comandar as funções proteção de maneira independente ao computador.

clique aqui para ver a matéria completa

Anúncios

De qual navegador os usuários mais acessam seu site/blog?

Excelente artigo publicado no Cidadão Maluco, onde o Leandro Braçaroto faz a comparação entre os navegadores.

Veja esta e outras matérias direto no Cidadão Maluco.

Tabela de equivalência do tempo na internet

Perfeito esse quadro, é a aplicação da teoria da relatividade do tempo de quem espera e de quem faz-se esperar na net.

Vi no blog Sedentário

Google lança navegador de internet Hoje!

 

O Google anunciou nesta segunda-feira (1º) o lançamento do seu navegador de internet, chamado Google Chrome. O programa estará disponível em versão beta a partir de terça-feira (2), em mais de cem países.

A empresa promete lançar um programa “moderno” e “simples”. “Como a página homepage do Google, Google Chrome é limpo e leve”, afirma um post no blog oficial da empresa.

O Google também diz que o software, que terá código aberto, “roda melhor os complexos aplicativos de internet”. Por enquanto, o programa estará disponível apenas para Windows. No futuro, devem existir versões para Mac e Linux.

Até agora, o Internet Explorer, da Microsoft, é o mais utilizado para acesso à internet. Em julho, o programa foi utilizado para 90,7% dos acessos à rede no Brasil –queda de 2,5% em relação a janeiro. O Firefox, da Fundação Mozilla, teve 8,2% dos acessos, uma alta de 34% em relação ao primeiro mês do ano. Outros navegadores tiveram em julho 1,03% dos acessos.

No âmbito mundial, a participação do navegador da Fundação Mozilla é maior. As várias versões do Firefox representam 18,41% do mercado mundial de navegadores, segundo a NetApplications. Mas o Internet Explorer ainda domina o mercado, com 73,75%.

Para mais informações visitem

http://www.google.com/googlebooks/chrome/

Fonte: Folha Online

Windows 7 vazou na internet via Torrents.

Isso mesmo Verificando no site da mininova um site de trackers que downloads são torrents dei novamente de cara com uma informação muito phoda (censura né) o download via tracker com o nome de: Microsoft Windows 7 Build 6519 M1 DVD-MSBP.

Não sei se é verdade se o downlaod funciona, mais provavelmente a Microsoft não faria isso, ou alguma pessoa soltou na net.

Para conferir o site da mininova Clique Aqui.

Eu Lavo Minhas Mãos. Baixe Por Sua Conta e Risco (se conseguir ou tiver tempo).

Kaspersky Internet Security por 1 ano grátis!

Esses dias noticiamos sobre o ótimo anti-spyware Webroot Spy Sweeper por 6 meses grátis. Hoje trazemos outra ótima dica sobre segurança: Kaspersky Internet Security (KIS) versão 7 por 1 ano grátis! É sua chance de montar uma excelente suíte de proteção e, o que é melhor, tudo de graça. Aproveite!

Faça sua inscrição no site da Computer Bild. Não entende alemão? Calma, vamos a tradução dos campos necessários:

Benutzername – Nome de usuário;
E-Mail-Adresse – Endereço de e-mail;
Passwort – Senha;
Passwort wiederholen – Confirmar senha;
Anrede – Sexo (herr é homem e frau é mulher);
Vorname – Nome;
Nachname – Sobre-nome.

Agora ficou fácil, não é? Mas ainda não acabou. Selecione o primeiro campo (Ich habe die Nutzungsbedingungen…), o que está marcado com um asterisco (*). Ele é sobre o contrato que, quando marcado, você está concordando com o mesmo. Caso queira saber do que se trata, use Google Tradutor. O segundo campo é para receber e-mails com promoções e afins. Recomendo não marcá-lo, a não ser que você entenda alemão. Depois de tudo concluído, clique em Registrieren (registrar). Vá até o e-mail que usou no registro e ative sua conta.

Agora, na página da promoção, marque Persönlichen Kaspersky-Lizenzschlüssel anfordern (Chave de licença do Kaspersky) e clique em Lizenzschlüssel anfordern (Pedir chave de licença). Uma mensagem final aparecerá. Nela está escrito, basicamente, que a sua chave de licença foi enviado para seu e-mail cadastrado. Vá até ele para conferir.

Infelizmente, o serial recebido só funciona com uma versão especial do KIS que os assinantes da revista receberam em um CD. Você pode baixá-la aqui, mas, obviamente, está em alemão. Vale citar que não testei o serial com a versão inglesa (ou portuguesa) baixada no site oficial da Kaspersky por motivos de compatibilidade com o Windows Server 2008. Inclusive, se alguém testar, dê um toque nos comentários. Se preferir usar uma versão do KIS em qualquer outro idioma, aquela promoção dos 6 meses grátis ainda está ativa.

O KIS é uma suíte completa de proteção para seu computador, ele conta com firewall, anti-vírus, anti-spyware, entre outras ferramentas. Caso queira usá-lo junto com o Spy Sweeper (apesar de não ser necessário), deixe apenas um dos dois com a proteção residente anti-spyware ativa.

Fonte: My Digital Life.

Observação: Só funciona na versão alemã distribuída pela revista

Navegador original é cheio de recursos

O Internet Explorer 7.0 original já tem várias funções que podem ajudar a organizar e proteger a navegação. De cara, o internauta tem um novo recurso que já existia na concorrência: a abertura de páginas em abas –chamadas de guias–, e não em novas janelas, abrindo de novo o programa.

Ao clicar com o botão direito sobre um link, além da opção Abrir página em uma nova janela, aparece Abrir na nova guia. Isso permite que a mesma instância do programa abra outra página. Esses sites ficam organizados abaixo da barra de menus do IE, como se fossem fichas. Isso economiza recursos do sistema, assim como espaço na barra do Windows.

O browser também permite a visualização de uma miniatura de todos os sites abertos em guias simultaneamente, para uma busca visual, clicando sobre o ícone Guias rápidas, ao lado das estrelinhas no canto superior esquerdo.

Outro recurso útil com as guias é utilizar mais de um site como página inicial do browser. A página inicial (Home page) é carregada quando o IE é aberto.

No 7, no ícone da casinha do lado direito da barra de ferramentas, é possível estabelecer um site que você esteja visitando como Home page. Para isso, clique sobre a setinha para baixo ao lado da figura.

A entrada Adicionar ou alterar Home page tem três alternativas. Uma, para escolher a página visualizada no momento como a inicial, outra para escolher todas as guias abertas no navegador como iniciais e mais uma para acrescentar um único site a um grupo estabelecido como Home page.

Para ganhar agilidade, por exemplo, deixe o webmail, um site de notícias e seu blog para serem abertos automaticamente quando o programa é iniciado.

Sites preferidos

No canto superior direito existem duas estrelas. A primeira estrelinha abre o menu para visualizar os sites favoritos, os feeds assinados e o histórico de navegação, onde ficam gravados os sites visitados em um determinado período de tempo.

Feeds são fontes de informações disponíveis em sites de notícias, blogs etc. que mostram automaticamente ao usuário atualizações da página em um agregador centralizado.

Ao lado da estrelinha de gerenciamento, uma outra, com um ícone +, permite marcar um site como preferido.
O navegador também identifica automaticamente feeds em uma página. Na barra de ferramentas, um botão laranja aparece do lado direito. Clicando sobre ele, aparecem as fontes disponíveis na página. Escolha uma, abra e selecione Inscrever-se neste feed.

Para checar as atualizações nos seus feeds, basta entrar na estrelinha da esquerda e selecionar o menu Feeds, que tem o mesmo botão laranja.

No menu Ferramentas, em Opções da internet, você controla privacidade, conteúdos que devem ser gravados e preenchidos automaticamente e pode excluir dados gravados, como os de formulários –bom para impedir que conversas em chats venham à tona.

Fonte Folha Online